26.6.22

Quadrinhos de Sexta

Em acordância com o que foi o assunto da semana, apresentamos um trabalho de Cynthia B - cartunista e médica - em que ela relembra um aborto que precisou fazer: Meu Aborto em Quadrinhos.

22.6.22

Demorou mas chegou!

Mais de dez anos depois de Kevin Kelly publicar seu profético ensaio sobre ser artista na Internet, a promessa se torna realidade. Através de micropagamentos, assinaturas e doações, muitos produtores de conteúdo conseguem sustento de sua audiência sem os gatekeepers tradicionais. Incluindo as "mídias sociais".

21.6.22

Microsoft Internet Explorer (1995 - 2022)

Pivô da popularização da Internet e de disputas judiciais nos anos 1990, o Internet Explorer finalmente foi abandonado pela Microsoft. Mas seus fantasmas ainda vão testar a paciência por muito tempo.

A artista que destruiu os Beatles

Ela é conhecida por ter virado a cabeça de John Lennon e ser causa da desintegração dos Beatles (fama não merecida). Na verdade, Yoko Ono é uma grande artista e pioneira na arte conceitual, que teve sua carreira prejudicada pelo casamento.

E o Fotolog Instagram da semana é...

A tecnologia retrô e os aspectos ligados à música eletrônica dos anos 80 no Computer Love Records. Não gosto de nostalgia, mas as máquinas no perfil parecem mais de uma realidade alternativa que nunca visitei.

15.6.22

A segunda variedade

Circulou esses dias a notícia que Blake Lemoine, um cientista do Google teria concluído que um dos programas de linguagem natural - LaMDA - da empresa tem consciência. Seria um desdobramento revolucionário não só para a computação, mas também um marco conceitual em psicologia, filosofia, biologia e religião.

Depois que outros engenheiros de dados e filósofos examinaram os dados disponíveis, o Google concluiu que não há nada de consciente ali. É minha opinião também, baseada na pouca informação que eu pude encontrar, mas principalmente nessas conversas.

Nas primeiras frases da conversa o cientista Lemoine já dá o mote ao tratar o programa como uma pessoa, dando opções sobre ajudar num projeto, e "oferecendo a oportunidade" de fazer mais pessoas no Google entenderem que o LaMDA é autoconsciente. Logo em seguida Lemoine dispara "qual a natureza da sua consciência?" Mais dicas do que essas me parecem totalmente desnecessárias. A impressão que tive é que o LaMDA quer agradar, tadinho - uma impressão partilhada por gente que interagiu diretamente com ele. A vontade de Lemoineprovar que LaMDA é consciente da parte de Lemoine se soma ao imperativo de manter a conversa fluindo do robô, desejos que se complementam para uma conclusão predeterminada.

14.6.22

Onde nenhuma bagagem jamais esteve!

Hello, is this recording? Hi, yes, I’d like to make a complaint. My bags never arrived, and that’s a problem. A real big problem. I don’t want to worry anyone, but, um, I would recommend that other travellers keep an eye on their limbs for the next while. Make sure your legs are tucked in, your arms close to your chest, that type of thing. For the record, this isn’t my fault. It’s this shoddy spaceport.

E o Fotolog Instagram da semana é...

Big Nerd Energy. O título não explica nada, mas temos aqui ilustrações em pixel art de guerreiros ao longo da história, com suas roupas coloridas, armas peculiares e informações sobre as funções em seu tempo. Parecem um jogo de Super Nes que eu queria ter jogado.

Como as armas ganharam seus poderes

Inventadas uns séculos antes, as armas de fogo ainda eram pouco potentes na Guerra Civil Americana - mais ou menos tão letais quando um machado. Até o final do século XIX elas tinham se tornado devastadoras. A aplicação judiciosa do conhecimento instumental e uma boa dose de marketing criaram a Cultura das Armas que tanto mata sem sentido.

13.6.22

Domando o Gmail

Algumas dicas para melhorar seu Gmail, indo contra os desejos da Google.

A verdadeira Tragédia dos Comuns

Num processo que durou séculos, as terras cultivadas coletivamente pelos camponeses ingleses foram privatizadas. Ao contrário do descrito por William Forster Lloyd, a Tragédia dos Comuns não aconteceu de fato na época: os camponeses não dividiam sua perspectiva capitalista, mas viviam num mundo em que lucro ainda não era sinônimo de prosperidade.

12.6.22

Implosão demográfica

A taxa de substituição de uma população é 2,1 filhos por mulher. Na China cada casal teve em média 1,15 filho e os esforços de Pequim para resolver o problema não são muito efetivos. O Século Chinês tão alardeado há menos de vinte anos vai morrer por inanição.

10.6.22

Quadrinhos de Sexta

Jason Shiga é um quadrinista com um trabalho muito interessante, que mistura um traço simples com histórias às vezes cabeçudas, mas sempre absurdas. Conheci seu trabalho (inedito no Brasil) com Fleep hq em que um homem entra em uma cabine telefônica, acorda soterrado dentro dela e começa a fazer contas.

Supernatural à cearense

Escrita por Pablo Casado e com arte de Talles Rodrigues a série em quadrinhos Mayara & Annabelle ganhará um versão live action para televisão. A hiatória acompanha o cotidiano de duas servidoras públicas da Secretaria de Controle de Atividades Fora do Comum e se passa em Fortaleza. Mayara & Annabelle mistura elementos dos quadrinhos japoneses e americanos e foi publicada originalmente de forma independente em cinco álbuns, mais um sexto volume feito por vários artistas e roteiristas, e foi premiada com um troféu HQ Mix, sendo republicada em formato eletrônica e encadernações capa dura.

9.6.22

Mais uma falha resolvida

Eu nunca tinha ouvido falar no Ponto Nemo - o lugar mais afastado de qualquer continente ou ilha no planeta, habitado ou não. É lá que se livram os restos das naves espaciais. Daí dois quadrinhos publicados na mesma semana o mencionam (são Aquaman: Andromeda e Where Starships Go to Die). Quem disse que eu não tenho mais nada de importante para aprender?

Páginas de sonho

Traças, incêndios, saques e leitores têm distruído livros há milênios. E sabemos - graças a catálogos e citações - que muitos títulos se perderam. Agora imagine se alguns desses livros sobrevivessem. O quão diferentes seriam o cânone e mesmo nosso gosto literário?

8.6.22

Um mundo mais magro

É tentador culpas apenas o atual governo brasileiro pela inflação dos alimentos. Mas há condições internacionais forçando o aumento mundial do preço dos alimentos - tornando-os inacessíveis para muita gente. Mas o governo podia aliviar um pouco a situção.

7.6.22

Quem vigia a paranóia atômica?

Alan Moore Dave Gibbons não ignoraram nada: o imaginário nuclear dos anos 1980 aparece distorcido em Watchmen e até mais extremo. Afinal o relógio do fim do mundo chega a marcar onze horas na história.

E o Fotolog Instagram da semana é...

Para ficar sem sentido (ou possibilitar o máximo de interpretações), postar um quadro de uma história em quadrinhos por vez é a rotina do Comics Without Context. Às vezes é só extranho, mas muitas vezes é hilário.

3.6.22

Quadrinhos de Sexta

Quando conheceu o trabalho do quadrinista Moebius, Katushiro Otomo(Akira, Domu) ficou tão impressionado que fez uma hq à maneira do francês. O resultado chama-se Flower, história muda e em cores publicada pela primeira vez em 1979.

2.6.22

Limpando o ar

Conforme eventos climáticos extremos se tornam mais comuns, alguns se conscientizam que não é diminuindo emissões que o problema vai se resolver. Vai ser preciso plantar árvores direitinho e espécies estranhas e tirar CO2 diretamente do ar.

1.6.22

Mortos e trabalhando

Aparentemente acharam muito estranha a compra dos direitos sobre a imagem de Stan Lee. Mas esse tipo de acordo já é algo normal há algum tempo. Imagine a confusão sobre os direitos de imagem e nome de alguém como Albert Einstein - mais concorrido e que morreu antes de regras serem estabelecidas.